Três anos da coercitiva ilegal de Lula e o circo de horror de Moro e Dallagnol

Há exatos três anos, o promotor Deltan Dallagnol e o ex-juiz Sérgio Moro avançavam seu circo de horror particular e ilegal com a condução coercitiva do ex-presidente Lula.

Naquela manhã de sexta-feira a casa de Lula e de seus filhos foi invadida por policiais armados em busca de algo que procuram até hoje: uma prova de que o ex-presidente havia cometido algum crime. Qualquer crime.

Aquela sexta marcou o início de um processo de devastação familiar que implicou na morte de Dona Marisa menos de um ano depois do espetáculo da Lava Jato. Era o início de um projeto que tiraria Lula do convívio com sua família e com o povo brasileiro.

A ação não tinha justificativa legal nem amparo na lei. Hoje, depois de feito o trabalho político de Moro, foi restabelecido que conduções coercitivas são ilegais. Com uma vida pública minuciosamente inspecionada há mais de 40 anos, Lula nunca havia se negado a prestar depoimento às autoridades. A batida não encontrou malas de dinheiro, mas levou o tablet de seu neto, o pequeno Arthur, com quem Lula seria injustamente impedido de conviver em seus últimos meses de vida.

Acordaram crianças arrombando casas, levaram seus pertences, humilharam e condenaram perante boa parte da sociedade e não encontraram nada que incriminasse os Lula da Silva.

O objetivo era impedir Lula de voltar à Presidência. E hoje, três anos depois, a tragédia que sucedeu o plano de Moro afetou não só a família de Lula, mas milhões de famílias brasileiras lançadas ao abismo por um governo desastroso eleito em consequência dos interesses políticos que moviam a operação daquele 4 de março.

Lula está preso injustamente e Moro goza de seu prêmio, um cargo de Ministro da Justiça que não pode indicar uma suplente de conselho. Fica o aviso de Lula antes de ser preso: “Eu sei como eu vou passar para a História. Não sei como eles vão passar, se como juízes ou como algozes”. (Foto: Ricardo Stuckert) Fonte: https://lula.com.br

Posts recentes

Categorias

[jetpack_subscription_form show_only_email_and_button=”true” custom_background_button_color=”undefined” custom_text_button_color=”undefined” submit_button_text=”Subscribe” submit_button_classes=”undefined” show_subscribers_total=”false” ]

Opnião:

Quando o estado opressor (Moro) e a igreja caída (Dallagnol) se unem contra os seus cidadãos…

Estar cada vez mais claro que o estado brasileiro motivado por FORÇAS estranhas internacionais persegue os representantes do POVO, desde o líder de bairro, o diretor de Ong, sindicalista e militantes contraditórios ao seu SISTEMA OPRESSOR que ai estar na (MARRA) e contra a vontade da maioria do brasileiros. Pois que, o Sistema fisiologista que eles tentam implantar não encontra mais acolhido entre os homens de boa vontade. Esta é a infame MATRIX do mal que tanto elencamos em nossas redes sociais que se faz presente através de pessoas, as quais, os levaram boa parte da nação através do DOLO, a realizarem suas vis fantasias de um estado totalitário que vem sendo implantado nesse país sutilmente, Todavia, só os tolos que veem. Esta gente é tão COVARDE,e por não possuírem o apoio popular do POVO, prende o seu verdadeiro MITO, O LULA. Objetivando calar a voz do povo nesse país das bananas e laranjas podres da MATRIX fisiologista fascista que ai estar…Certamente eles querem provocar uma guerra civil entre norte e sul, ELES DO SÃO MAL, seguem as regras do G.A.D.U o seu deuseco deste mundo, entrementes, o POVO lhes dará a resposta brevemente pelas ruas desse país…Acabou a farra cambadas de alienadores XÔ!!!

Acesse também: https://selo144.wordpress.com

Share On Linkedin

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Show Buttons
Hide Buttons