Livros doados por integrantes do MPE são destinados a campanha de incentivo à leitura na prisão

Legenda: Uma grande caixa ficou exposta no hall de entrada da Procuradoria-Geral de Justiça

Uma grande caixa ficou exposta no hall de entrada da Procuradoria-Geral de Justiça

Centenas de livros arrecadados entre os integrantes do Ministério Público do Tocantins foram destinados à campanha Ponto de Leitura e Cultura nas Prisões, desenvolvida pela gerência de assistência penitenciária da Secretaria Estadual de Segurança Pública (SSP). A entrega foi realizada na tarde desta quinta-feira, 27, pelo Diretor-Geral Uliton Borges.

Por dois meses, uma grande caixa ficou exposta no hall de entrada da Procuradoria-Geral de Justiça, onde as obras foram depositadas. A ideia, segundo a agente de execução penal Renata Keli Marinho, é distribuir as obras nas 39 unidades prisionais espalhadas pelo Estado. “Apenas 12 unidades possuem bibliotecas e as obras incentivarão a criação de acervo nas demais”. Renata explica, ainda, que após a coleta, é feita uma triagem para que somente livros com conteúdo adequado possem adentar nas unidades.

Além do Ministério Público do Tocantins, aderiram ao projeto a Universidade Federal do Tocantins, Ordem dos Advogados do Brasil, seccional Tocantins, Fórum da Capital e Federação Espírita. Em um ano, já foram coletados mais de 5 mil exemplares.

O Diretor-Geral do MPTO, Uiliton Borges, elogiou a iniciativa e disse que o Ministério Público continuará abrindo espaço para campanhas desta natureza. “A caixa permanecerá exposta pelo tempo que se fizer necessário, para que as doações continuem sendo realizadas”.

Remição pela leitura

A campanha é importante porque além de estimular o hábito da leitura, atende a uma necessidade de contribuir com presos, por meio da leitura, na remição de pena, pois cada obra lida diminui quatro dias da pena do preso, limitando-se a 12 obras por ano. Remição de pena é o direito do condenado de abreviar o tempo imposto em sua sentença penal.

Como doar

Os interessados em fazer a entrega de obras podem entrar em contato pelo 3218-2055, na gerência de assistência ao preso da SSP. (Denise Soares/ Foto: Ronaldo Mitt/MPE-To.)

Posts recentes

Categorias

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Show Buttons
Hide Buttons