Araguainense representa o Tocantins em livro sobre a deficiência visual

“Muito além da visão” reúne relatos de pessoas cegas ou com baixa visão; lançamento em Araguaína será neste sábado, às 20 horas, na AABB

Em seu capítulo, Luzilda Dias relata sua história, da infância quando já apresentava cegueira noturna, à vida adulta, quando teve o diagnóstico de que perderia a visão e decidiu enfrentar todos os obstáculos que se apresentaram

O livro “Muito além da visão” terá lançamento neste sábado, 21, em Araguaína. A obra, organizada pela escritora Raquel Alves, é uma coletânea de relatos sobre as vivências de pessoas com deficiência visual em todo o país, sendo uma de cada Estado.

Além das 27 narrativas, o livro contém uma apresentação feita pela organizadora Raquel Alves, que também é deficiente visual, e um depoimento da médica oftalmologista Vanessa Vidotti Pimenta, que aborda a perda da visão.

O evento será às 20 horas, na Associação Atlética Banco do Brasil (AABB), com entrada franca e animação da banda Aquarela e seresteiro Luiz Carlos.

Qualidade de vida

A Prefeitura de Araguaína incentiva ações que promovam acessibilidade e qualidade de vida às pessoas com deficiência. Dentre os investimentos neste sentido estão a implantação de calçadas com acessibilidade e piso tátil, a capacitação em Libras a surdos, seus familiares e servidores, para melhorar a independência do atendimento. Além disso, a rede municipal de Educação conta com professores capacitados para auxiliar qualquer deficiência do aluno na aula.

Luzilda Dias

A representante do Tocantins na obra literária é a araguainense Luzilda Dias, fundadora e membro do Conselho Fiscal da Associação das Pessoas com Deficiência de Araguaína (ADA). O convite para colaborar com a obra veio da organizadora Raquel Alves a partir da indicação de um amigo em comum.

Nas oito páginas de seu capítulo, Luzilda relata sua história, desde a infância, quando já apresentava cegueira noturna, à vida adulta, quando aos 25 anos teve o diagnóstico de que perderia a visão. “Lá estão todas as sensações, o drama da adaptação, a luta por acessibilidade. É um instrumento para que as pessoas tenham conhecimento do que é viver com deficiência”, contou Luzilda.

Além da versão impressa, que custa R$ 35, o livro também está à venda em formato digital no site da editora Siano, por R$ 25.

Fonte: Mara Santos/Ascom/ARN

Posts recentes

Categorias

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Show Buttons
Hide Buttons