Deputado federal Célio Moura (PT/TO) alerta autoridades sobre problemas da violência “fatal” em Araguaína

“É PRECISO ACABAR COM A CRIMINALIDADE CRESCENTE EM ARAGUAÍNA”


Senhor Presidente, Senhoras Deputadas, Senhores Deputados e todos os que nos acompanham pelos veículos de comunicação da Casa, nos últimos dias foram registrados quatro assassinatos nas ruas de Araguaína: dois menores de idade e dois trabalhadores ambulantes. Nossa Araguaína não pode virar faroeste, sem segurança e sem lei. Muita gente já está temerosa que possa ser um grupo de extermínio atuando em Araguaína. A Segurança Pública precisa se impor

Senhoras e senhores, um dos adolescentes foi morto a tiros em nossa cidade de Araguaína, norte do Tocantins, na noite desta sexta-feira passada (dia 20/09), a vítima é Jhonata Sousa Almeida, um jovem de 17 anos, e o crime aconteceu por volta das 22h30 em uma rua no setor Lago Azul. Vizinhos atestam a presença de um Carro todo preto, que se aproximou e disparou a queima roupa, assassinando brutalmente o jovem.

As informações que saíram na mídia reportam que as testemunhas viram o adolescente andando pela rua, e que ainda tentou correr, mas acabou caindo em uma calçada e morreu na hora. Ele foi atingido com pelo menos dois tiros no tórax.

A Polícia Militar fez o patrulhamento e o registro da ocorrência na Polícia Civil, que está investigando o fato. Ninguém foi preso até o momento.

O outro crime à céu aberto, assassinou o jovem identificado como Romário Pereira Gonçalves (de 25 anos) que foi morto na porta de casa no setor Itaipú, também em Araguaína. Ele foi atingido por vários disparos e morreu no hospital. Segundo testemunhas, o suspeito do crime na noite desta segunda-feira (23), por volta das 19h, chegou de carro e fugiu em seguida.

Quatro assassinatos registrados em Araguaína só nos últimos dias! No sábado (21), os dois vendedores ambulantes morreram, após serem atingidos por vários tiros.

A juventude e os pais de Araguaína exigem punição aos responsáveis. É preciso ampliar e fortalecer a segurança pública no município, não é possível viver em paz com a sensação permanente de insegurança.

Os órgãos de Segurança Pública de Araguaína tem que trabalhar integrado com o governo do estado do Tocantins, para que nossa população possa viver em paz!

Era o que tinha a dizer.

Célio Moura PT/TO

Fonte: Ascom/CM

Posts recentes

Categorias

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Show Buttons
Hide Buttons