Governo reutiliza pneus descartados para recuperação de pontos críticos em estradas do Jalapão

O Governo do Tocantins, por meio da Agência Tocantinense de Transportes e Obras (Ageto), está utilizando pneus descartados para solucionar os problemas dos atoleiros arenosos em estradas não pavimentadas no Jalapão, um dos destinos turísticos mais conhecidos do Estado. Para isso, foi criado um Projeto Ambiental Sustentável.

O descarte de pneus no meio ambiente gera uma série de consequências ambientais, sociais, sanitárias e financeiras. Por ser um material de alta resistência química e física – o que pode ser um problema para a reciclagem –, o pneu é uma solução barata e sustentável para o problema dos bolsões de areia existentes em diversos pontos nas rodovias estaduais da região do Jalapão.

A solução, criada pela Ageto, visa melhorar a trafegabilidade nas rodovias que dão acesso aos municípios de Novo Acordo, São Félix do Tocantins, Mateiros e Ponte Alta do Tocantins, com o uso de uma malha de pneus intertravados com cordas de seda em cerca de 100 pontos críticos, já levantados pela Ageto.

Na primeira etapa de execução do projeto, estão sendo recuperados quatro bolsões de areia considerados os mais críticos, sendo três na TO-255 (entre Ponte Alta e Mateiros), com um ponto depois da ponte do Rio Vermelho e dois depois da entrada da Cachoeira da Velha; e um na TO-030 (entre Novo Acordo e São Félix do Tocantins) próximo à Serra da Catedral.

De acordo com a secretária de Estado da Infraestrutura, Cidades e Habitação (Seinf), Juliana Passarin, esse é um trabalho pioneiro no Estado. “Além de sustentável, o projeto reduz os custos com materiais que seriam usados, já que os pneus usados para a recuperação das rodovias foram doados”, destacou. Cerca de 2.500 pneus descartados serão usados na recuperação desses pontos.

“A ideia foi pensada para solucionar os problemas que esses bolsões de areia geram para os usuários das rodovias do Jalapão”, reforçou o diretor de Operação e Conservação da Ageto, Gerival Aires Negre. Ele explica que o pneu descartado pode ter múltiplas aplicações e que sua reutilização ameniza os impactos gerados pelo seu descarte em aterros, incineradoras e na natureza.

O processo de recuperação inclui a aplicação de grelha com pneus usados descartados e revestimento primário. A equipe de trabalho é composta por engenheiro de campo, quatro ajudantes, um operador de retroescavadeira e motorista de pipa.

  • Sonte – Daniela Oliveira/Secom-TO.
  • Legenda:
  • A reutilização dos pneus ameniza os impactos gerados pelo seu descarte em aterros, incineradoras e na naturezaAgeto/Governo do Tocantins
  • O processo de recuperação inclui a aplicação de grelha com pneus usados descartados e revestimento primário

Posts recentes

  • CNI lança boletim para ajudar micros e pequenas indústrias a enfrentar a crise
    Primeira edição do Recupera MPMIndústria traz as medidas adotadas pelo governo e pela CNI com foco na sobrevivência da empresas e manutenção dos empregos Em meio à crise econômica gerada pelo coronavírus, a Confederação Nacional da Indústria (CNI) lançou o informativo Recupera MPMIndústria, com informações para ajudar os empresários a manterem seus negócios e preservarem, … Read MoreLeia mais
  • CPT teme contaminação proposital das comunidades indígenas
    Paulo César Moreira, da Comissão Pastoral da Terra, observa que comunidades camponesas e povos originários, que já sofrem ameaças por ocupar áreas de interesse do agronegócio e mineração, ficam ainda mais à mercê durante a quarentena do coronavírus Texto: Ludmilla Balduino/De Olho nos Ruralistas Foto: Joka Madruga Enquanto 84,72% dos brasileiros praticam a quarentena em … Read MoreLeia mais
  • Inscritos no Cadastro Único devem ser os primeiros a receber auxílio emergencial
    Quem ainda não está inscrito no Cadastro Único pode   baixar o aplicativo da Caixa para acessar o benefícioAlexandre Alves/Governo do TocantinsTécnica de gestão do Bolsa Família no Tocantins, Régina Mercês Aires, ressalta a importância de só baixar o aplicativo quem atender as condições  de acesso  ao benefício Com as diretrizes estabelecidas pela lei federal nº … Read MoreLeia mais
  • Probióticos podem ser uma alternativa para o tratamento de disbiose intestinal em aves de corte
    A disbiose pode estar presente em todas as fases da vida das aves e pode ser controlada por meio de probióticos através da indução da eubiose, recomenda a Biomin A avicultura é uma atividade extremamente profissional e a produtividade, tanto do segmento de corte quanto de postura, é medida em detalhes. “O uso de antibióticos … Read MoreLeia mais
  • Assembleia reconhece calamidade pública em Palmas por causa do coronavírus
    Votação foi feita remotamente O plenário da Assembleia Legislativa reconheceu nesta segunda-feira, 6, em sessão extraordinária, situação de calamidade pública em Palmas, decretada pela prefeita Cinthia Ribeiro ( PSDB) no último dia 22. Na prática, a decretação de calamidade pública – entre outras coisas – flexibiliza o cumprimento da meta fiscal diante da perspectiva de … Read MoreLeia mais

Categorias

[jetpack_subscription_form show_only_email_and_button=”true” custom_background_button_color=”undefined” custom_text_button_color=”undefined” submit_button_text=”Subscribe” submit_button_classes=”undefined” show_subscribers_total=”false” ]

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Show Buttons
Hide Buttons