Meio Ambiente participa do 19° Fórum de Governadores da Amazônia Legal

A Secretaria de Estado do Meio Ambiente e Recursos Hídricos (Semarh) participou nesta quarta e quinta feira, 27 e 28, do 19° Fórum de Governadores da Amazônia Legal que ocorreu em São Luís (MA). Os participantes do evento se dividem em Câmaras Técnicas Setoriais para discutir assuntos relacionados à temática de cada representante.

Na Câmara Setorial do Meio Ambiente, participam os secretários de Estado do Meio Ambiente, técnicos da Câmara Setorial e delegados do GCF para discutir os processos e procedimentos para a Câmara Setorial, no âmbito da estrutura de governança do Consórcio, discussão e evolução das Notas Conceituais dos três projetos prioritários/2019 que são: estruturação do Mercado de Negócios e Serviços Ambientais, Integração do Zoneamentos Ecológico – Econômico da Amazônia Legal e o alinhamento de Protocolos para a Eficiência da Gestão Ambiental, em conjunto com procedimentos de regularidade ambiental.

O secretário da Semarh, Renato Jayme, acompanhou o governador do Tocantins, Mauro Carlesse, que na ocasião apresentou o programa Pátria Amada Mirim (PAM). O programa vai contemplar inicialmente 25 mil alunos em 139 municípios no período de três anos. Os estados membros da Amazônia Legal manifestaram interesse em implantar o programa em seus estados.

No último fórum dos governadores realizado em Palmas no mês de agosto, foram debatidos as ações da plataforma para o próximo semestre e o acompanhamento das agendas estratégicas de gestão ambiental dos estados membros. Durante o encontro, assuntos como Fundo Amazônia, Conselho Nacional do Meio Ambiente (Conama) e Licenciamento Ambiental serão elencados pelos nove secretários de meio ambiente que constituem a Amazônia Legal: Acre, Amapá, Amazonas, Maranhão, Mato Grosso Rondônia, Roraima, Pará e o Tocantins.

Carta de Palmas

Os governadores listaram, na carta, as próximas ações e manifestaram preocupação com o desmatamento ilegal na Amazônia Legal. Em um dos trechos do documento, os governadores manifestaram a preocupação com o avanço do desmatamento ilegal na Amazônia Legal e ratificaram o compromisso institucional de buscar mecanismos reais que garantam o desenvolvimento sustentável da região. Na carta, os governadores também reiteraram a relevância do Fundo Amazônia para a gestão do desenvolvimento a partir da valorização de ativos regionais e a relevância do volume de investimentos disponíveis para os Estados.

Fonte;: – Robson Corrêa/Seccom-TO.

Legenda:
Nove governadores dos estados que compõem a Amazônia LegalEsequias Araujo/Governo do Tocantins
19º Fórum de Governadores da Amazônia Legal realizado em São Luís-MA

Posts recentes

  • CNI lança boletim para ajudar micros e pequenas indústrias a enfrentar a crise
    Primeira edição do Recupera MPMIndústria traz as medidas adotadas pelo governo e pela CNI com foco na sobrevivência da empresas e manutenção dos empregos Em meio à crise econômica gerada pelo coronavírus, a Confederação Nacional da Indústria (CNI) lançou o informativo Recupera MPMIndústria, com informações para ajudar os empresários a manterem seus negócios e preservarem, … Read MoreLeia mais
  • CPT teme contaminação proposital das comunidades indígenas
    Paulo César Moreira, da Comissão Pastoral da Terra, observa que comunidades camponesas e povos originários, que já sofrem ameaças por ocupar áreas de interesse do agronegócio e mineração, ficam ainda mais à mercê durante a quarentena do coronavírus Texto: Ludmilla Balduino/De Olho nos Ruralistas Foto: Joka Madruga Enquanto 84,72% dos brasileiros praticam a quarentena em … Read MoreLeia mais
  • Inscritos no Cadastro Único devem ser os primeiros a receber auxílio emergencial
    Quem ainda não está inscrito no Cadastro Único pode   baixar o aplicativo da Caixa para acessar o benefícioAlexandre Alves/Governo do TocantinsTécnica de gestão do Bolsa Família no Tocantins, Régina Mercês Aires, ressalta a importância de só baixar o aplicativo quem atender as condições  de acesso  ao benefício Com as diretrizes estabelecidas pela lei federal nº … Read MoreLeia mais
  • Probióticos podem ser uma alternativa para o tratamento de disbiose intestinal em aves de corte
    A disbiose pode estar presente em todas as fases da vida das aves e pode ser controlada por meio de probióticos através da indução da eubiose, recomenda a Biomin A avicultura é uma atividade extremamente profissional e a produtividade, tanto do segmento de corte quanto de postura, é medida em detalhes. “O uso de antibióticos … Read MoreLeia mais
  • Assembleia reconhece calamidade pública em Palmas por causa do coronavírus
    Votação foi feita remotamente O plenário da Assembleia Legislativa reconheceu nesta segunda-feira, 6, em sessão extraordinária, situação de calamidade pública em Palmas, decretada pela prefeita Cinthia Ribeiro ( PSDB) no último dia 22. Na prática, a decretação de calamidade pública – entre outras coisas – flexibiliza o cumprimento da meta fiscal diante da perspectiva de … Read MoreLeia mais

Categorias

[jetpack_subscription_form show_only_email_and_button=”true” custom_background_button_color=”undefined” custom_text_button_color=”undefined” submit_button_text=”Inscrever-se” submit_button_classes=”undefined” show_subscribers_total=”false” ]

Publicidade

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Show Buttons
Hide Buttons