Em fórum na Colômbia, Célio Moura rebate Bolsonaro e fala em aumento da fome no Brasil

Célio Moura [centro] durante 6º Encontro de Planejamento de Frentes Parlamentares Contra a Fome na América Latina e Caribe

Frentes de Combate á Fome, de 24 a 26 de julho.

O deputado federal Célio Moura (PT) está em Cartagena, na Colômbia, para o 6º Encontro de Planejamento de Frentes Parlamentares Contra a Fome na América Latina e Caribe. Na presidência do grupo brasileiro, o petista disse ao CT que vai apresentar no evento dados do aumento da fome do Brasil. O tocantinense culpa o atual governo. Semana passada o presidente Jair Bolsonaro chegou a questionar a ocorrência de fome no País e depois, pressionado, recuou.

Fome começou a aumentar

Célio Moura vê ligação entre o aumento da fome e a extinção de alguns órgãos pelo governo de Jair Bolsonaro (PSL). “Estamos levando os dados e mostrando que a fome no Brasil começou a aumentar. Dado ao fim do Conselho de Segurança Alimentar do Brasil [Consea]. O governo federal, no primeiro dia de mandato, extinguiu o Consea, acabou com o Ministério do Desenvolvimento Agrário, suspendeu o Pronaf, programa de agricultura familiar”, elencou.

Fonte: Jornal Página Aberta 

Foto Divulgação: Parlamentares da América Latina e Caribe que compõe o VII Encontro de Parlamentares das

Posts recentes

Categorias

[jetpack_subscription_form show_only_email_and_button=”true” custom_background_button_color=”undefined” custom_text_button_color=”undefined” submit_button_text=”Subscribe” submit_button_classes=”undefined” show_subscribers_total=”false” ]

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *