Inaugurado em junho deste ano, o Centro Integrado de Inteligência e Monitoramento de Dados Espaciais Ambientais terá investimentos em novos suplementos e softwares

Em 2020, o Instituto Natureza do Tocantins (Naturatins) passou a contar com um importante reforço no monitoramento e combate aos crimes ambientais, graças à tecnologia. Em operação desde junho, o Centro Integrado de Inteligência e Monitoramento de Dados Espaciais Ambientais (Cimdea) tem como objetivo auxiliar na tomada de decisão, tanto do Instituto quanto de seus parceiros que compõem a Fiscalização Integrada. Esse auxílio veio com o fornecimento de dados precisos, inclusive de imagens.

Segundo Renato Pires, gerente de Monitoramento e Gestão de Informação Ambiental do Naturatins, a expectativa é que em 2021, com a aquisição e instalação de alguns suplementos e softwares, o Centro poderá realizar o monitoramento de todos os empreendimentos passíveis de licenciamento ambiental; mapeamento e monitoramento de todas as unidades de conservação e da cobertura vegetal do Estado.

Para Sebastião Albuquerque, presidente do Naturatins, o maior ganho com o Cimdea será do próprio meio ambiente, cuja preservação é a missão do Naturatins. “Os dados produzidos, como mosaico com imagens de todo Estado, serão utilizados para análise dos processos de licenciamento e também disponibilizados para os consultores ambientais que protocolam requerimentos no Instituto”, pontua Sebastião Albuquerque.

“Isso vai proporcionar ainda mais transparência e segurança nos atos que são de competência do Naturatins. Além disso, os responsáveis técnicos terão acesso às mesmas imagens e base de dados utilizados para análise”, acrescenta Renato Pires.

Dados disponíveis

Desde o último dia 17, o Cimdea Naturatins está apresentado com configuração estruturada e ilustrada, acesso prático e rápido e disposição de dados organizada e inteligível, com banco de dados armazenado nos servidores do Naturatins.

As informações e ilustrações estão dispostas em três tópicos diferentes: Bases de Imagens de Satélites, Base Vetorial Digital Temática do Naturatins e Informações Técnicas. O acesso é livre e as informações estão disponíveis a todos os interessados. Para acessar basta clicar no link: https://cutt.ly/Dh6kBIm.

Fonte: Wanja Nóbrega/Naturatins/Governo do Tocantins

Edição: Caroline Spricigo

Posts recentes

Categorias

Instagram @rybalima

By Editor

Webjornalista & blogueiro

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Show Buttons
Hide Buttons