Elaboração do PPA 2022-2025 de Araguaína registrou 1.250 moradores para discutir propostas que vão orientar as ações do Município nos próximos quatro anos

A Prefeitura de Araguaína concluiu a realização de audiências públicas para elaboração do PPA (Plano Plurianual) 2022-2025, na última sexta-feira, 19, na Escola Municipal Simão Lutz, no Setor Araguaína Sul. Nos três dias de evento, foram registradas 1.250 participações para discutir propostas que vão orientar as ações do Município nos próximos quatro anos.
 
No encerramento, o prefeito Wagner Rodrigues destacou a importância da participação da comunidade no planejamento. “Para isso que serve o nosso PPA, para descentralizar uma série de ações e poder atender vocês. É para isso que eu fui eleito e todos nossos secretários e técnicos estão aqui. Eu entrei para cuidar de gente, cuidar de vocês”.
 
O PPA é o plano governamental que define todas as políticas públicas a serem desenvolvidas pelo Governo Municipal. É a partir dele que são definidas as diretrizes orçamentárias para o exercício financeiro de cada ano.
 
O secretário da Fazenda de Araguaína, Fabiano Souza, explicou como funciona a elaboração da base estratégica, que leva em consideração também as prioridades definidas pela Prefeitura. “Quando o Dimas assumiu, a infraestrutura de Araguaína era precária, e vocês viram o tanto de obras que foram e ainda estão sendo feitas. Agora, o Wagner entrará em novo momento e terá o trabalho de embelezar a cidade e investir na área de tecnologia para modernizar e melhorar os serviços”.
 
Gestão responsável
Durante a audiência, Fabiano apresentou a avaliação de nível nacional IFGF (Índice Firjan de Gestão Fiscal), que analisa a responsabilidade e eficiência da gestão pública com dados da Secretaria do Tesouro Nacional. Araguaína vem crescendo nesse índice, saindo de 0,72 em 2013 e alcançando 0,89 no ano de 2020, em que é considerado de excelência acima dos 0,8. Somente duas cidades no Tocantins têm pontuação maior: Pedro Afonso e Alvorada.
 
Propostas
A população presente pode escolher entre 13 temas diferentes para apresentar as propostas: educação; cultura, esporte e lazer; saúde; infraestrutura; administração; segurança e trânsito, ação social; governo e fazenda; procuradoria, captação de recursos, controladoria e previdência municipal; planejamento; desenvolvimento econômico; e meio ambiente e turismo.
 
A presidente do Setor Jardim das Flores, Maria Conceição Silva, 45 anos, escolheu a sala de cultura, esporte e lazer para solicitar uma nova área de lazer e convivência para seu bairro, já que a praça que existia deu espaço ao novo prédio do Hospital Municipal de Araguaína (HMA) Dr. Eduardo Medrado . “Nós temos espaço de sobra no local, basta apenas construir uma nova praça”.
 
O marido da presidente, Elcimar Pessoa, 44 anos, que é servidor público, também esteve na mesma sala e solicitou a fomentação de arte a manutenção do campo de futebol do setor. “Precisamos de apoio as danças afro-brasileiras, como a capoeira”.
 
Já a servidora Gracieli de Sousa, 22 anos, entende que a população precisa de mais playground para diversão das crianças. “Muito foi feito para os idosos fazerem os exercícios físicos e agora precisamos melhorar também para as crianças”.

Fonte: Marcelo Martin | Foto: Marcos Sandes/Ascom

Posts mais recentes

Categorias

https://selo144.wordpress.com

Aciara Agronegócio AL-TO Araguaina Araguaína-TO. Bolsonaro Brasil Campanha Cerrado Cidadania CPT Cultura Câmara de Araguaína-TO. Célio Moura Célio Moura 1303 Célio Moura PT?TO Democracia Dep. fed. Célio Moura direitos humanos DPE-TO eleições Fieto-TO indígênas Lula Livre Meio ambiente Meio ambiente Tocantins MPE-TO. Naturatins palmas Paulo Mourão 131 política Prefeito WR/Araguaína Prefeitura de Araguaína PT PT Tocantins Seminário Sesc-TO Sisepe-TO. Sustentabilidade Sáude TO. Tocantins Turismo Unitpac Via Lago

By Editor

Webjornalista & blogueiro

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Show Buttons
Hide Buttons