A ação em homenagem ao Dia da Mulher promovida nessa segunda-feira, 8, teve a parceria do Detran-TO e da Polícia Militar

Nesta segunda-feira, 8, a ASTT (Agência de Segurança Transporte e Trânsito) de Araguaína promoveu uma ação educativa na cidade em comemoração ao Dia Internacional da Mulher. A blitz abordou motoristas na Avenida Cônego João Lima, no Setor Entroncamento, e contou com a parceria do Detran-TO (Departamento de Trânsito do Tocantins) e da Polícia Militar, discutindo os cuidados com as gestantes no trânsito.

A escolha do tema segue a Resolução nº 806 do CONTRAN (Conselho Nacional de Trânsito) que estabelece a mensagem, os temas e o cronograma da Campanha Educativa de Trânsito de 2021 a ser realizada nacionalmente de janeiro a dezembro de 2021.

“Fiquei feliz com a surpresa e esse tipo de ação é muito importante principalmente para reforçar o espaço da mulher na sociedade como um todo, inclusive no trânsito”, comentou a bancária Maria José Nobre, que foi parada durante a blitz para receber a homenagem.

Durante a ação, foram distribuídos panfletos educativos aos motoristas, além de dar informações no decorrer da abordagem a respeito desses cuidados que devem ser tomados para garantir um trânsito seguro.

“É importante que a população entenda que o trânsito é composto não apenas pelos motoristas, mas também pelos passageiros dos veículos, pedestres e ciclistas, podendo as gestantes se enquadrarem em qualquer uma dessas situações. No Dia Internacional da Mulher, estamos fazendo esta homenagem mostrando a importância desses cuidados e reforçando que o respeito deve ser exercitado todos os dias”, afirmou a agente de trânsito da ASTT, Nidiane Gonçalves.

Gestantes no trânsito

O Código de Trânsito Brasileiro (CTB) não proíbe uma mulher grávida de dirigir, mas é importante que a condutora fique atenta a alguns cuidados. De acordo com a ASTT o posicionamento adequado do cinto de segurança é um dos cuidados mais importantes, mantendo o cinto de três pontos com a faixa inferior abaixo da barriga e a faixa diagonal cruzando o meio do ombro; passando entre os seios e lateralmente ao abdômen, nunca sobre o útero.

Outra orientação é em relação ao bem-estar da mulher grávida ao dirigir. Caso a gestante apresente enjoo, mudanças na pressão arterial e tontura, é importante que seja evitada a condução por longas distâncias. Outra dica é não sentar-se com a barriga muito próxima ao volante e, em caso de motocicletas, em que o risco de acidentes é considerado maior, a utilização deste tipo de veículo é desaconselhada pelos órgãos de regulamentação e fiscalização de trânsito quer seja como condutora ou como passageira

Fonte: Felipe Maranhão | Foto: Marcos Sandes

Posts recentes

Categorias

https://selo144.wordpress.com

Instagram @rybalima

By Editor

Webjornalista & blogueiro

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Show Buttons
Hide Buttons