Local onde funcionava o Tiro de Guerra está sendo reconstruído para implantação da nova força de segurança do Município

O início de funcionamento da Guarda Municipal de Araguaína está cada vez mais próximo. Isso porque o prédio onde a força de segurança será instalada entrou em fase de acabamento e tem previsão de finalização neste mês de janeiro. A reconstrução do local, que já foi sede do Tiro de Guerra e Centro de Treinamento do Sparta, segue normas exigidas pelo Exército e Polícia Federal.
 
Reconstrução
A obra teve conclusão de toda a parte de alvenaria e da cobertura. Também são novas instalações hidráulicas, sanitárias, elétricas, além de bancadas, criação de novas salas e substituição de todo o telhado. Atualmente, as equipes estão realizando as instalações elétricas e as pinturas, e em breve iniciarão o cabeamento estruturado de internet e telefone.
 
Dentre os cômodos estão alojamentos, banheiros e sala de instrução, em que foram trocados janelas, portas, pisos, chuveiros e pintura. Além da construção da reserva de armamento que receberá uma porta reforçada para garantir a segurança dos equipamentos.
 
A área externa também passa por melhorias como implantação de calçadas com piso intertravado, estacionamento, ampliação da guarita, recuperação da cerca e fixação de um novo mastro.
 
A Guarda
A implantação da Guarda Municipal de Araguaína teve início com o concurso público, na qual 40 agentes foram selecionados e já passaram por treinamentos de tiro policial, de abordagem pessoal a suspeitos e criminosos, com algemação, condução e ação em viaturas e motocicletas, entre outras. Foram com 732 horas de duração, sendo 90 dias de curso em período integral, incluindo finais de semana e feriados.
 
Para início da patrulha nas ruas vão ser adquiridos novas viaturas, armamento, mobiliário, uniforme, equipamentos de comunicação, entre outros itens. A previsão é de que, após a obra de reconstrução do prédio ser entregue, em 60 dias sejam abertas licitações para compra dos itens.
 
Os novos agentes agirão em parceria com a Polícia Militar do Estado do Tocantins, Polícia Civil, Guarda Metropolitana de Palmas, Corpo de Bombeiros, Polícia Rodoviárias Federal, Polícia Federal, ASTT e SAMU para aumentar a segurança na cidade.

Fonte: Por Marcelo Martin – Foto: Marcos Sandes/Ascom

Posts recentes

Categorias

By Editor

Webjornalista & blogueiro

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Show Buttons
Hide Buttons